sexta-feira, 15 de fevereiro de 2013

Religião, Graça ou Desgraça? - Por Gutierres Siqueira

O Evangelho é diferente da religião, pois enquanto o primeiro é "Deus em busca do homem", o segundo é "o homem a procura de Deus". Bom, mas não há como negar a nossa natureza religiosa. Logo, se somos cristãos temos uma religião chamada "cristianismo". O cristianismo é uma prática religiosa com mensagem "arreligiosa". Não é à toa que os primeiros cristãos eram acusados de ateísmo. Como temos credos, confissões, sacramentos, hierarquia etc. e tal, também, temos uma vivência religiosa. O legal é saber que ela deve ser a consequência da nossa fé, e não a sua causa primária.

Assim, não coloco uma visão negativa na palavra "religião", mas a vejo como um substantivo ambíguo, pois expressa a nossa busca por Deus quando o Evangelho mostra a nossa incapacidade para alcançar o Senhor. Religião é como ar, ou seja, é inevitável ao homem. Mesmo o ateu é um religioso em relação à ciência ou a um modelo socioeconômico.

Sou religioso? Sim e não. Sim, pois pratico rituais, canto louvores, oro, participo do templo etc. e tal. Não, por que a minha busca por Deus sempre depende do toque de Sua graça.

Nesse sentido, acho legal quando enfatizamos que a nossa religião é consequência da graça, e não o contrário. Se sou religioso para alcançar Deus, logo sou o pior dos homens, mas se sou religioso porque já recebi a graça do Senhor, então bem-aventurado estou. Assim, a religião é uma palavra neutra. Depende a posição de sua importância, pois se ela vem primeiro do que a graça então ela é desgraça. Se vem depois, logo é o agir de Deus em nossas vidas.

Fonte: Blog Teologia Pentecostal

Imagem: Google Images

Gutierres Fernandes Siqueira, é professor de Escola Bíblica Dominical na Assembleia de Deus do Jardim das Pedras (São Paulo, SP). Bacharel em Comunicação Social/Jornalismo pela Faculdade Paulus de Tecnologia e Comunicação e pós-graduando em Mercado Financeiro e de Capitais pela Universidade Presbiteriana Mackenzie

Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Licença Creative Commons
O trabalho Na Jornada pela Vida de Marcus Bittencourt foi licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição - NãoComercial 3.0 Não Adaptada.
Com base no trabalho disponível em www.marcusbittencourt.com.